Operação Onerat tem 18 presos e 2 mortos em confronto no Rio

Importantes vias do Rio tiveram o fluxo interrompido, como a Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá (Foto: Apu Gomes / AFP)

Quinze mandados de prisão foram cumpridos, três pessoas foram presas em flagrante e dois adolescentes, apreendidos. Ação uniu 5 mil homens de forças federais e estaduais de segurança.

Representantes das forças de segurança estadual e federal concedem entrevista coletiva, iniciada pouco antes das 11h deste sábado (5), sobre a Operação Onerat. Até o horário, dois homens haviam sido mortos e pelo menos 18 foram presos, além de dois menores apreendidos.

A ação busca combater o roubo de cargas e o tráfico de drogas, com cerca de 5 mil homens, com o objetivo de cumprir 55 mandados: 40 de prisão e 15 de busca apreensão.

De acordo com o secretário de Segurança do Rio, Roberto Sá, 15 mandados da operação Onerat foram cumpridos, três pessoas foram presas em flagrante, dois adolescentes apreendidos e duas pessoas morreram em confrontos com as forças integradas de segurança.

Foram apreendidas três pistolas, duas granadas, quatro rádios, 16 carros e uma motocicleta e entorpecentes.

“Mesmo com toda a dificuldade que o estado está enfrentando, as polícias dedicaram todos os seus esforços e encontraram diversos responsáveis pelo crime de roubo de cargas”, destacou o secretário de Segurança Pública, Roberto Sá.

A polícia voltou a pedir ajuda da população para denúncias que levem à prisão dos criminosos.

“A população ordeira pode auxiliar as forças de segurança apresentando informações, inclusive de forma sigilosa. É uma forma de ajudar o combate ao crime naquela localidade”, destacou o delegado Paulo Guimarães, da Polícia Civil.

Operação Onerat em números

  • 15 mandados cumpridos (9 deles já estavam presos)
  • 3 presos em flagrante
  • 2 adolescentes apreendidos
  • Polícia Civil: 360 agentes, 4 blindados e 1 helicóptero
  • Polícia Federal: 26 agentes e 6 viaturas
  • Polícia Rodoviária Federal: 115 policiais, 16 motos, 51 viaturas e 5 grupos de cães
  • Força Nacional: 256 agentes, 66 viaturas
  • Polícia Militar: 574 agentes, 40 viaturas, 2 helicópteros e 3 blindados
  • Forças Armadas: 3,6 mil militares, 514 viaturas, 71 blindados e 4 helicópteros

Por Victor Simão – DA REDAÇÃO G1.COM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *