Pipeiros fazem protesto em Petrolina por pagamento de salários atrasados e reajuste

Na manhã desta quinta-feira (18) aconteceu um protesto de pipeiros de diversos municípios do Sertão de Pernambuco e da Bahia, em frente ao 72° Batalhão de Infantaria Motorizado (72° BIMtz), em Petrolina. O grupo interditou uma avenida em reivindicação ao pagamento de salários atrasados, além de cobrarem reajuste nos contratos, o que não é feito há oito anos.

Os pipeiros disseram que o acordo firmado com o Exército prevê trabalho de 90 dias para receber o pagamento, mas alguns estão com salários atrasados desde julho de 2016, sem previsão de recebimento.

Os trabalhadores também reclamam do GPS, que registra a quilometragem percorrida até as comunidades atendidas. Segundo os profissionais, o aparelho apresenta muitos problemas e atrapalha o trabalho.

DA REDAÇÃO – Blog Alvinho Patriota


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *